Quarta-Feira, 28 de Junho de 2017
Pesquisa no site:


Ensino Fundamental


PESQUISAS DE CASA

Vamos tratar agora de um assunto muito importante no processo de aprendizagem do seu filho: a PESQUISA. Uma pesquisa é um processo sistemático de construção do conhecimento que tem como metas principais gerar novos conhecimentos e/ou corroborar ou refutar algum conhecimento preexistente. Por motivos óbvios, este é o nome que damos, em nossa escola, ao que comumente conhecemos como “dever de casa”.
Mas por que se dar ao trabalho de mudar o nome de uma atividade já tão costumeira na vida escolar? Seria por modismo? Ou é só para nos diferenciarmos de outras escolas? Mudamos o nome, mas a atividade é a mesma? Para respondermos estas e outras possíveis perguntas é necessário fazer uma breve análise do que já está posto no sistema escolar que é o tradicional “dever/tarefa de casa”.
Ora, a pesquisa está totalmente ligada à característica humana da CURIOSIDADE, do querer desvendar, descobrir, da busca pelo conhecimento do novo, pelo que ainda não se sabe. Por que então deveria esta atitude ser considerada um “dever”? Será que não estaria mais ligada ao sentimento de PRAZER? Desde quando fazer coisas ligadas à nossa natureza e às nossas necessidades deveriam ser levadas com tanta seriedade como se fosse uma simples obrigação? Se assim fosse beber água para matar a sede, comer um delicioso prato na hora das refeições e até mesmo tirar um cochilo adquiririam a chatíssima noção de mais uma obrigação a ser cumprida no nosso já tão atarefado dia.
Por conta disso, temos como principal objetivo de nossas pesquisas criar no aluno o hábito de ir em busca do conhecimento. Deve-se compreender que só se apropria do saber quando, após interiorizá-lo e generalizá-lo, houver então a capacidade de passá-lo adiante para os outros. Desta forma o aluno “aprende a aprender”, no dizer do pedagogo Paulo Freire, ou mais simplesmente aprende a estudar.
Surge daí a importância de os pais tornarem a pesquisa uma atividade rotineira na vida de seus filhos. Independente da idade, a criança deve participar deste momento junto com os pais, procurando em casa o que foi pedido, preparando o material e colocando-o na mochila. Ter em casa diversos recursos como: revistas, livros, jornal, tesoura, cola, lápis (coloridos ou não), canetinhas e outros materiais do gênero, será de suma importância tanto na pré-escola quanto no ensino fundamental. A internet é, também, fonte inesgotável de pesquisas das mais variadas, porém é preciso usá-la apropriadamente, como mais uma ferramenta de trabalho e não como substituta da mente e do pensamento humano.
Com o objetivo de ajudá-los na orientação das pesquisas de seus filhos, preparamos este folheto no qual estão contidas diversas informações, como o significado de cada pesquisa e que objetivo se pretende alcançar com elas, o dia de cada pesquisa e a lista de personagens que seu filho irá conhecer no decorrer do ano.
Inicialmente queremos dizer que seu filho fará as seguintes pesquisas:
 Ficha de Leitura Diária: também conhecida como FLD, corresponde à leitura dos livros paradidáticos. Como todas as escolas, nossos alunos devem ler, no mínimo, quatro paradidáticos por ano (o que equivale a um por bimestre). Nosso diferencial está no fato de escolhermos a obra do autor Monteiro Lobato, que além de ser um dos maiores nomes da Literatura Brasileira, tem sua obra intimamente ligada à concepção cultural de nossa escola, seja pela riqueza de seus personagens, seja pelos temas que com tanta maestria soube abordar. Aconselhamos que apenas os alunos do operatório I sejam auxiliados pelos pais nesta atividade, visto que ainda necessitam de apoio na leitura. O objetivo desta pesquisa é a construção do hábito da leitura.
 Especialidade: o objetivo primordial desta pesquisa é a de aguçar a curiosidade tão necessária ao espírito científico e conseqüentemente ao desenvolvimento da Inteligência. A criança pesquisará todos os dias um assunto do seu interesse e após ler o material pesquisado, escreverá um resumo do que leu com suas próprias palavras (No Op. I a criança pode copiar). É muito importante que o aluno também ilustre e pinte a ilustração de cada artigo pesquisado.
 Desafio: como o próprio nome diz, o objetivo desta pesquisa é desafiar o aluno a encontrar respostas aos problemas apresentados. Estes desafios não têm, necessariamente, relação com o conteúdo dado em sala. Além de trabalhar o raciocínio lógico-matemático, os Desafios também desenvolvem a interpretação textual, visto que o aluno precisará entender a questão para solucioná-la. É importante que o aluno tente fazer esta atividade sozinho, de acordo com seus esquemas. A correção será feita em sala de aula, coletivamente. Às quartas-feiras os alunos não levarão o caderno de desafios para casa, pois neste dia a Prô os levará para fazer correção individual.
 Enigma: trabalha a inteligência através da lógica. A participação dos pais torna esta atividade mais dinâmica e prazerosa. Além disso, há a possibilidade de se descobrir novas respostas.
 Personagem: Será trabalhado um personagem por semana. Esta pesquisa é dividida em dois momentos: na terça-feira a criança começa a pesquisar a biografia do personagem e na quinta o aluno terá oportunidade de completá-la ou acrescentar curiosidades a respeito dos personagens, que serão exploradas posteriormente no recanto com os amigos.

Copyright 2011 - Colégio Oliveira Lima - Todos os Direitos Reservados
REFFER